Ora-pro-nobis (Pereskia grandifolia) Benefícios incluindo folhas com 25% de proteínas

Nome científico:Pereskia grandifolia
Família: Cactaceae
Características morfológicas: Espécie arbustiva, de três a seis metros de altura. Suas folhas são verde-escuro, de formato simples e com bordas onduladas, que alcançam até dez centímetros de comprimento. Costuma gerar cerca de nove flores rosadas de outubro a novembro. Já o fruto, em forma de baga, tem uma coloração verde-amarelada. Os espinhos estão presentes nos ramos, sempre aos pares, e nascem na base das folhas.
Origem: Brasil
Ocorrência natural: Nas matas ou restingas, em diversas regiões do País.

Considerada uma planta medicinal, a ora-pro-nóbis é utilizada no tratamento contra o colesterol. Suas folhas, novas, quando misturadas com azeite, também servem para tratar furúnculos. É indicada ainda para o tratamento de tumores, inflamações cutâneas, além de ser anti-sifilítica.

O significado do nome popular, em latim, é “rogai por nós”, e é a solução para a fome de muitas pessoas. Isso porque além das funções medicinais, ela é conhecida popularmente como “carne-de-pobre”, em virtude de seu alto valor proteico. As folhas são utilizadas em refogados, omeletes, saladas, cozidos e tortas. Aliás, elas possuem cerca de 25% de proteínas (valor considerado alto em comparação com vegetais famosos como o espinafre, que tem teor de 2,2%). Além disso, essa planta é rica em vitaminas A, B, e C, bem como cálcio e fósforo.

Para a desnutrição (anemia), as folhas são preparadas frescas em saladas ou secas junto com feijão, sopas e sucos. Ornamentalmente, as flores rosadas podem ser usadas em projetos paisagísticos e, pelo fato de possuir espinhos entre as folhas, também tem aplicação como cerca viva.

É conhecida popularmente por jumbeba, cacto-rosa, rosa-madeira, groselha-da-américa, groselha-dos-barbados e groselheira-das-antilhas. Fonte: G1
Saiba mais:
Trilhas da Esalq; e Plantas Medicinais, Ciagri USP


Aqui no município ainda temos em pouca quantidade, sendo encontradas apenas duas árvores na APA CCC, e estamos trabalhando para incluir novas mudas com intuito de evitar a escassez dessa planta que traz grandes benefícios para a saúde, além de evitar doenças.

Postar um comentário