Velame (Croton heliotropiifolius) Conheça a planta e seus benefícios


Frequentemente encontrado na caatinga, brejo, restinga e cerrado brasileiro, o velame, Croton heliotropiifolius Kunth é popularmente conhecido por suas propriedades medicinais utilizada na dor de estômago, mal estar gástrico, vômitos, diarreia com sangue e para baixar a febre. Além das propriedades farmacológicas, seu óleo essencial apresenta atividade larvicida contra Aedes aegypti, assim como o extrato etanólico apresentou atividade inseticida considerável contra Sitophilus zeamais. O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito citotóxico in vitro do velame, através do ensaio de fragilidade osmótica. O ensaio de hemólise foi realizado nas concentrações de 1000, 750, 500, 250, 100 e 50 µg/mL de extrato metanólico de folhas. O extrato em estudo apresentou baixa ação hemolítica. Desta forma, é provável que não haja dano à membrana eritrocitária. Fonte: Editora realize

Croton heliotropiifolius conhecido popularmente como Velame, Velande ou Velame-da-caatinga. É uma planta da família Euphorbiaceae e do gênero Croton. Trata-se de um arbusto piloso abundante na caatinga na Região Nordeste do Brasil e que também pode ser encontrado no México. Conhecido popularmente na Bahia como cassutinga ou velame é comum, principalmente, nas áreas de Caatinga do nordeste. Em um levantamento sobre sua distribuição indicaram ampla ocorrência na região Neotropical, desde o Panamá até o Brasil. No Brasil é encontrada em praticamente toda região Nordeste estendendo-se até o estado de Minas Gerais, crescendo predominantemente em vegetação de caatinga, embora também ocorra em bordas de florestas serranas, restinga e cerrado.

Ao longo de sua área de distribuição, o velame apresenta grande variação morfológica quanto ao tamanho e forma das folhas, cor do indumento e comprimento das inflorescências, o que dificulta sua identificação. No entanto, pode ser diferenciada das demais espécies, principalmente, pela columela do fruto tripartida no ápice após a deiscência do fruto. Caracteriza-se, ainda, pelos tricomas estrelado-porrectos adensados nas estruturas vegetativas e reprodutivas. Além disso, geralmente não apresenta glândulas no pecíolo ou elassão inconspícuas e globosas, muitas vezes encobertas pelos tricomas. As folhas apresentam epiderme simples com paredes periclinais externas espessas e cutícula delgada na faceadaxial. A folha é anfiestomática com predominância dos estômatos na faceabaxial; estes se encontram no mesmo nível das demais células epidérmicas. Os tricomas são estrelados, lignificados, com base cutinizada ou suberificada. Baseado em pesquisas realizadas pelo biólogo Murilo Marques Scaldaferri. 

Atenção: Antes de fazer uso de qualquer medicamento consulte o seu médico

Postar um comentário